O básico, o essencial e o coração.

No sábado do dia 23 de junho de 2018, eu e mais sete pessoas[1] da Comunidade de Aprendizagem e Práticas em Novas Economias[2], da Oniversidade[3], fomos inaugurar a cozinha-coração comandada pela Elem Pss[4] .

E este coração fica dentro de uma comunidade que os de fora chamam de Instituto Favela da Paz[5], mas os que conhecem chamam de “casa do Claudinho do Poesia”.

Foi muito gratificante ver “ao vivo e a cores” que por lá as relações entre as pessoas fez e faz emergir uma comunidade que realmente tem muito coração. E uma comida deliciosa.

Continuar lendo O básico, o essencial e o coração.

Aplicativos, plataformas, gadgets e novas economias.

Aplicativos[1], plataformas[2], programas[3], gadgets[4] e outros podem funcionar como ferramentas[5] ou instrumentos[6]. Ou podem ser um modo de vida. Ou podem ser tão diferentes do que existe que mudam comportamentos. E modelos de mundo.

Falemos de alguns.

Continuar lendo Aplicativos, plataformas, gadgets e novas economias.

Se fizer X, estou OK!

 

Se eu estiver observando o Bem Estar Animal, estou ok.

Se eu estiver observando o Fair Trade (trabalho justo), estou ok.

Se eu estiver observando a Sustentabilidade, estou ok.

Se eu estiver observando a Agroecologia, estou ok.

Se eu estiver observando o Empreendedorismo Social, estou ok.

Continuar lendo Se fizer X, estou OK!

Inovação e criatividade

 

E vamos falar de inovação e criatividade.

 

Criatividade estaria MUITO relacionada a criar sem amarras, à arte, a deixar emergir o que você sente que quer criar, se deixar fluir.
O olhar para qualquer direção, para qualquer lado, se deixar infundir para qual tempo.

Inovação estaria MUITO relacionada à reflexão, experiência, observação do que já está criado, conversas com outros, a deixar emergir o que vários pensam e sentem.
O olhar para o passado, o presente, o futuro, pensar sobre isso, olhar em volta e ver o que seria adequado para mudar para melhor o que já foi feito até agora. Ou mudar tudo.

Continuar lendo Inovação e criatividade

Netweavers e técnicas participativas e colaborativas

A definição do que seriam os netweavers é um pouco complexa.

Para começar a perceber o que isso seria, estes links – uma apresentação e uma descrição – uma delas do de Augusto de Franco, são interessantes:

http://www.slideshare.net/augustodefranco/como-se-tornar-um-netweaver  e

http://projetodraft.com/verbete-draft-o-que-e-netweaving/

Netweavers podem ser animadores de redes, tecelões de redes, explicitadores de redes, potencializadores de redes, provocadores de interações em rede, empoderam pessoas em rede,  empreendem em rede, … mas não só isso.

Mas sempre funcionam em toda sua potência só, e somente só, se agirem em rede.

Continuar lendo Netweavers e técnicas participativas e colaborativas