Dimensões do modelo 4D e responsabilidades?

Dimensões do modelo 4D e responsabilidades?[1] :  O modelo 4D

 

Este artigo é baseado no artigo FLUXONOMIA 4D: AS QUATRO ECONOMIAS DE FUTURO[2] e em reflexões minhas desde que conheci, ainda que não com profundidade de uma estudiosa e/ou profunda praticante, a Fluxonomia[3]. Junto com ela, vem minha visão que contempla redes, nodos e seus fluxos[4].
E a complexidade, muita complexidade e seus sistemas interligados.

Estamos em uma transição de modelos de viver, empreender, gerir, fazer curadoria, sensibilizar. Já foi necessário estar atuando em zonas de muita inovação e experimentação para se perceber isso, mas agora, em 2018, não o é mais.

Continuar lendo Dimensões do modelo 4D e responsabilidades?

Netweavers e técnicas participativas e colaborativas

A definição do que seriam os netweavers é um pouco complexa.

Para começar a perceber o que isso seria, estes links – uma apresentação e uma descrição – uma delas do de Augusto de Franco, são interessantes:

http://www.slideshare.net/augustodefranco/como-se-tornar-um-netweaver  e

http://projetodraft.com/verbete-draft-o-que-e-netweaving/

Netweavers podem ser animadores de redes, tecelões de redes, explicitadores de redes, potencializadores de redes, provocadores de interações em rede, empoderam pessoas em rede,  empreendem em rede, … mas não só isso.

Mas sempre funcionam em toda sua potência só, e somente só, se agirem em rede.

Continuar lendo Netweavers e técnicas participativas e colaborativas