Posts e cia

Dimensões do modelo 4D e responsabilidades?

Dimensões do modelo 4D e responsabilidades?[1] :  O modelo 4D

 

Este artigo é baseado no artigo FLUXONOMIA 4D: AS QUATRO ECONOMIAS DE FUTURO[2] e em reflexões minhas desde que conheci, ainda que não com profundidade de uma estudiosa e/ou profunda praticante, a Fluxonomia[3]. Junto com ela, vem minha visão que contempla redes, nodos e seus fluxos[4].
E a complexidade, muita complexidade e seus sistemas interligados.

Estamos em uma transição de modelos de viver, empreender, gerir, fazer curadoria, sensibilizar. Já foi necessário estar atuando em zonas de muita inovação e experimentação para se perceber isso, mas agora, em 2018, não o é mais.

Continuar lendo Dimensões do modelo 4D e responsabilidades?

Compartilhe!
Share

O básico, o essencial e o coração.

No sábado do dia 23 de junho de 2018, eu e mais sete pessoas[1] da Comunidade de Aprendizagem e Práticas em Novas Economias[2], da Oniversidade[3], fomos inaugurar a cozinha-coração comandada pela Elem Pss[4] .

E este coração fica dentro de uma comunidade que os de fora chamam de Instituto Favela da Paz[5], mas os que conhecem chamam de “casa do Claudinho do Poesia”.

Foi muito gratificante ver “ao vivo e a cores” que por lá as relações entre as pessoas fez e faz emergir uma comunidade que realmente tem muito coração. E uma comida deliciosa.

Continuar lendo O básico, o essencial e o coração.

Compartilhe!
Share

Aplicativos, plataformas, gadgets e novas economias.

Aplicativos[1], plataformas[2], programas[3], gadgets[4] e outros podem funcionar como ferramentas[5] ou instrumentos[6]. Ou podem ser um modo de vida. Ou podem ser tão diferentes do que existe que mudam comportamentos. E modelos de mundo.

Falemos de alguns.

Continuar lendo Aplicativos, plataformas, gadgets e novas economias.

Compartilhe!
Share

Se fizer X, estou OK!

 

Se eu estiver observando o Bem Estar Animal, estou ok.

Se eu estiver observando o Fair Trade (trabalho justo), estou ok.

Se eu estiver observando a Sustentabilidade, estou ok.

Se eu estiver observando a Agroecologia, estou ok.

Se eu estiver observando o Empreendedorismo Social, estou ok.

Continuar lendo Se fizer X, estou OK!

Compartilhe!
Share

Trabalhar junto. Fazendo junto. Vivendo junto.

Coworkers.
Trabalhar junto sem ser “empregados” um do outro. Empreender.
Espaços de coworking.[1]
Espaços colaborativos.

Makers[2].
Fazer, fazer acontecer coisas com tecnologia e com um enorme viés de cultura hacker.
FabLabs[3].

Continuar lendo Trabalhar junto. Fazendo junto. Vivendo junto.

Compartilhe!
Share

Inovação e criatividade

 

E vamos falar de inovação e criatividade.

 

Criatividade estaria MUITO relacionada a criar sem amarras, à arte, a deixar emergir o que você sente que quer criar, se deixar fluir.
O olhar para qualquer direção, para qualquer lado, se deixar infundir para qual tempo.

Inovação estaria MUITO relacionada à reflexão, experiência, observação do que já está criado, conversas com outros, a deixar emergir o que vários pensam e sentem.
O olhar para o passado, o presente, o futuro, pensar sobre isso, olhar em volta e ver o que seria adequado para mudar para melhor o que já foi feito até agora. Ou mudar tudo.

Continuar lendo Inovação e criatividade

Compartilhe!
Share

Netweavers e técnicas participativas e colaborativas

A definição do que seriam os netweavers é um pouco complexa.

Para começar a perceber o que isso seria, estes links – uma apresentação e uma descrição – uma delas do de Augusto de Franco, são interessantes:

http://www.slideshare.net/augustodefranco/como-se-tornar-um-netweaver  e

http://projetodraft.com/verbete-draft-o-que-e-netweaving/

Netweavers podem ser animadores de redes, tecelões de redes, explicitadores de redes, potencializadores de redes, provocadores de interações em rede, empoderam pessoas em rede,  empreendem em rede, … mas não só isso.

Mas sempre funcionam em toda sua potência só, e somente só, se agirem em rede.

Continuar lendo Netweavers e técnicas participativas e colaborativas

Compartilhe!
Share

Produtos, processos e redes.

Vamos aqui discorrer, ainda que brevemente, sobre produtos, processos e sua relação com ambientes (físicos e virtuais) que se propõe a serem fomentadores de desenvolvimento de relações e fluxos em rede.

Continuar lendo Produtos, processos e redes.

Compartilhe!
Share

E daí…?

Ontem eu li em um comentário na página do Rafael Mambretti Ferreira Pinto (um dos criadores da Carbono Zero Courier) no Facebook que “Entrepreneurship is about solving a problem, not starting a company.” ou seja, empreender seria (necessariamente) sobre resolver problemas e não (necessariamente) começar uma empresa.

Continuar lendo E daí…?

Compartilhe!
Share

A Laboriosa 89 e o Oswaldo.

A Laboriosa 89 é um laboratório de experiências sobre (e com) comunidades, abundâncias e convivências. Que se iniciou em uma casa, na rua Laboriosa 89, na Vila Madalena em São Paulo.

E a ideia de fazer algo veio de uma pessoa, o… :

Sou o Oswaldo Oliveira.

Fui eu quem iniciou a Laboriosa89.

Continuar lendo A Laboriosa 89 e o Oswaldo.

Compartilhe!
Share